Ruan Lira deixa a Secretaria Estadual de Cultura, diz Extra; substituta já foi escolhida

Do Rio Encena

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Ruan falou com o RIO ENCENA em junho falando sobre os planos e avanços da Secec Foto: Arthur Tezolim

Ruan Lira não está mais à frente da Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa. Seis meses após dar uma entrevista ao RIO ENCENA falando sobre os planos e avanços da pasta para a cultura e o teatro do Rio de Janeiro e dois meses depois de anunciar a retomada do Imperator – que fica com o Município até o fim do ano – ele, que fora anunciada para o cargo pelo governador Wilson Witzel (PSC) em novembro de 2018, deixou a pasta nesta terça-feira (03) e agora tem como provável destino uma subsecretaria da Casa Civil. A informação é de Berenice Seara, colunista do Jornal Extra, que afirmou também que o desligamento se deu por indisposições que o secretário vinha tendo com “muita gente”.

Ainda de acordo com a jornalista, a SECEC já tem uma nova secretária. Trata-se de Danielli Christian Ribeiro Barros, irmã do deputado federal Aureo Ribeiro (SDD). 

Nossa reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da secretaria, que confirmou a saída de Ruan, mas não deu mais detalhes. O órgão ficou de divulgar ainda nesta quarta uma nota com outras informações.

Antes de Ruan, Wilson Witzel já havia desvinculado outros sete secretários: Gutemberg Fonseca (Governo), Eduardo Lopes (Agricultura), Horácio Guimarães (Obras), José Luís Zamith (Casa Civil), Fabiana Bentes (Desenvolvimento Social e Direitos Humanos) e André Caffaro Andrade (Administração Penitenciária), além da deputada Major Fabiana (PSL), que estava na secretaria de Vitimização.

PUBLICIDADE