PERFIS: ‘não pensar só no dinheiro’, diz Marcio Nascimento sobre não trabalhar para políticos que não concorda

Luiz Maurício Monteiro

O ator Marcio Nascimento recebeu a reportagem da RIO ENCENA TV nesta semana no Sesc Copacabana, onde está em cartaz com o solo “Iago” para a gravação do quadro “Perfis”. Natural de São Gonçalo, o artista de 47 anos foi respondendo às perguntas uma a uma até que parou numa delas. Ele acabou ficando indeciso para responder o que jamais faria no teatro e pediu para que esta questão ficasse para o final. Depois de pensar, comentou que não faria trabalhos que pudessem exaltar um político, partido ou ideologia com o qual não concordasse.

— Uma vez fui fazer um teste para um comercial… E quando entrei, soube que era para um determinado partido político. Eu entrei com uma perna, saí com a outra e disse “não dá”. É muito delicado porque todo mundo é um ser plítico, e quando você opta por concordar com os preceitos desse partido, pra mim você é o que você é. Acho que você não tem que se permitir ser corrupto, não pensar só no dinheiro por causa disso… — disse Marcio, que relembrou espetáculos infantis marcantes na carreira, uma decepção profissional, revelou o que gostaria de fazer se não fosse ator e muito mais.

Confira a entrevista completa no vídeo abaixo ou clicando aqui.

PUBLICIDADE