LEOPOLDINA, INDEPENDÊNCIA E MORTE

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Foto: Victor Iemini/Divulgação

Local: CCBB – Teatro I
Endereço: Rua Primeiro de Março, Nº 66 – Centro.
Telefone: (21) 3808-2020
Sessões: Quarta a domingo às 19h
Período: 08/01 a 23/02
Elenco: Sara Antunes e Plínio Soares; musicista: Ana Eliza Colomar
Direção: Marcos Damigo
Texto: Marcos Damigo
Classificação: 12 anos
Entrada: R$ 30 (inteira); R$ 15 (meia)
Funcionamento da bilheteria: Quarta a segunda entre 9h e 21h
Gênero: Drama histórico
Duração: 80 minutos
Capacidade: 172 lugares
Sinopse: A peça recria três momentos da vida da arquiduquesa austríaca que virou imperatriz do Brasil no século XIX, entre 1817 e 1826: recém-chegada da Áustria, ela relata a uma interlocutora estrangeira suas primeiras impressões sobre o Brasil; Leopoldina, agora imperatriz, e José Bonifácio, seu principal aliado, analisam o complexo processo de independência após um acerto de contas; e, por fim, num delírio que consumiu seus últimos dias, ela relaciona sua vida, sua época e os projetos em disputa naquele momento com os dias de hoje.

* Segundo informações do teatro e/ou da produção do espetáculo

PUBLICIDADE