Tragicomédia que já teve Clodovil como protagonista faz quatro apresentações no Teatro Gonzaguinha

Do Rio Encena

Carpes(D) protagoniza e dirige a atual montagem de “Sabem Quem Dançou?” Foto: Fátima Louback/Divulgação

Jovens moradores de rua, prostituição e milícia são apenas alguns dos problemas sociais retratados em “Sabe Quem Dançou?”, tragicomédia que faz quatro apresentações nesta semana no Teatro Gonzaguinha, no Centro. Com entradas a partir de R$ 20 (meia), as sessões estão marcadas para quinta (22), sexta (23) e sábado (24), às 19h30, e domingo (25), às 18h.

Com uma trama ambientada nos anos 80, “Sabe Quem Dançou?”, cujo texto de Zeno Wilde foi finalista do Prêmio Shell 1991, teve sua primeira montagem em 1990, quando foi protagonizada pelo estilista, apresentador, político e ator Clodovil Hernandes (1937-2009). Na ocasião, ele – que no teatro fez também as peças “Seda Pura e Alfinetada” e “Eu e Ela” – interpretou a travesti Madonna, papel central que nesta nova versão cabe a Hermes Capes, responsável também pela direção.

Embora tenha sido escrita há cerca de 30 anos, a peça conta, numa mistura de humor e acidez, uma história recheada de situações e personagens marginalizados que se refletem nos tempos atuais. Madonna é um receptador de objetos roubados, que também abriga jovens em sua casa.

Ao lado deles, a travesti vive uma dura realidade na qual matar talvez seja a única forma de sobreviver.

SERVIÇO

Local: Teatro Gonzaguinha
Endereço: Centro Municipal de Artes Calouste Gulbenkian – Rua Benedito Hipólito, 125 – Praça XI – Centro.
Telefone: (11) 98682 2701 (Hermes Carpes)
Sessões: Quinta (22), sexta (23) e sábado (24) às 19h30; domingo (25) às 18h
Elenco: Hermes Carpes, Ronaldo Spedaletti, Ferruccio Cornacchia e Rodrigo Pinelli
Direção: Hermes Carpes
Texto: Zeno Wilde
Classificação: 18 anos
Entrada: R$ 40 (inteira); R$ 20 (meia)
Funcionamento da bilheteria: Não informado
Gênero: Tragicomédia
Duração: 70 minutos
Capacidade: 130 lugares

* Segundo informações do teatro e/ou da produção do espetáculo

PUBLICIDADE