Teatro Glauce Rocha recebe comédia sobre geração acomodada e busca por sucesso a qualquer preço

Do Rio Encena

Fábio Guará (E) e Andrey Lopes interpretam dois jovens que buscam o sucesso da forma mais fácil Foto: Divulgação

O texto do espetáculo “Será que a Gente Influencia o Caetano?”, que estreia nessa sexta-feira (21), às 19h, no Teatro Glauce Rocha, no Centro, foi escrito por Mário Bortolotto há mais de 30 anos, mas ainda pode se encaixar aos tempos atuais. Com direção de Marcello Gonçalves, a comédia faz uma crítica às gerações, independentemente da época em que nasceram, que são acomodadas e buscam o sucesso a qualquer preço. A curta temporada vai somente até 14 de maio, com apresentações também aos sábados, no mesmo horário das 19h, e aos domingos, às 18h.

Na trama, o poeta Beto e o músico Mário, vividos por Andrey Lopes e Fábio Guará, respectivamente, são dois amigos que passam toda a juventude sonhando em se tornarem grandes artistas, embora suas virtudes profissionais sejam questionáveis. Em determinado momento nessa caminha rumo ao sucesso, eles decidem participar de um concurso de calouros com uma música que eles julgam ser boa o suficiente para influencia ninguém menos do que Caetano Veloso.

Através desta história, a peça, que ficou entre as cinco melhores comédias do 24º Festival de Teatro do Rio de Janeiro, busca provocar não apenas risos, mas reflexões.