‘Teatro Breve de Garcia Lorca’ leva três peças do escritor espanhol para o palco do Teatro Cacilda Becker

Por:

Vanessa Pascale e Paulo Guidelly contracenam nas três histórias contadas na peça Foto: Divulgação

Um autor, um espetáculo e três textos! Assim é “Teatro Breve de Garcia Lorca”, que chega ao Teatro Cacilda Becker, no Catete, nessa quinta-feira (27), às 20h. Dirigida e adaptada por Brigitte Bentolila, francesa domiciliada no Brasil, a montagem precisa de apenas 60 minutos para narrar três diferentes histórias escritas pelo dramaturgo espanhol Federico Garcia lorca (1898-1936): “O Passeio de Buster Keaton”; “A Donzela, o Marinheiro e o Estudante” e “Quimera”.

Outra peculiaridade da peça é que os atores Paulo Guidelly e Vanessa Pascale pouco têm diálogos a trocar. Em cena, eles dançam e realizam performances com seus corpos e gestos, ganhando também o auxílio de imagens, ruídos e músicas.

— O espetáculo pode ser entendido e apreendido de forma quase muda. Sua leveza é poética e profunda, onde a palavra surge a partir da rara necessidade – diz a diretora.

Ora leves e alegres, ora tristes e profundas, as três histórias falam do cinema mudo do diretor americano Buster Keaton ((1895-1966); do amor de uma donzela por um marinheiro; do pai que deixa esposa e filhos; do próprio teatro.

“Teatro Breve de Garcia Lorca” fica em cartaz até 07 de outubro, com apresentações também sextas e sábados, no mesmo horário das 20h, e domingos, às 19h. Os ingressos custam a partir de R$ 15.

PUBLICIDADE