‘Rio Mais Brasil, o Nosso Musical’ faz pré-estreia a preços promocionais antes de iniciar temporada no Oi Casa Grande

Do Rio Encena

A temporada de “Rio Mais Brasil” vai até 10 de setembro (Divulgação)

O espetáculo “Rio Mais Brasil, o Nosso Musical” estreia no Teatro Oi Casa Grande, no Leblon, somente no próximo dia 20 (quinta), mas antes faz duas pré-estreias a preços promocionais. As duas sessões estão marcadas para esse sábado (15), às 21h e domingo (16), às 19h, com entradas entre R$ 25 (meia) e R$ 70 (inteira). Já para a temporada regular, que termina no dia 10 de setembro, os ingressos vão de R$ 25 (meia) a R$ 120 (inteira). Com direção de Ulysses Cruz e autoria de Renata Mizrahi, a montagem, idealizada por Gustavo Nunes, propõe um Brasil possível, com seus encantos e contrastes, a pluralidade, complexidade e sincretismo de seu povo. Como o título sugere, a produção dá um enfoque todo especial também ao Rio de Janeiro, a Cidade Maravilhosa.

Encenado por Cris Vianna, Claudio Lins, Danilo de Moura, Danilo Mesquita e mais 16 atores multi-instrumentistas, “Rio Mais Brasil” se passa nos bastidores das filmagens de um longa-metragem livremente inspirado na obra ‘O Povo Brasileiro’, de Darcy Ribeiro (1922-1997). Incumbido de fazer uma superprodução que retrate nos cinemas um Brasil jamais visto antes, um produtor conhece uma cineasta que propõe falar da essência do povo brasileiro. A seleção do elenco, claro, deve estar de acordo com essa pluralidade, o que os leva a convocar pessoas de todo o país que poderão mostrar suas vivências e ajudar a entender o Brasil através da sua gente.

No entanto, após as filmagens estarem a todo vapor, os investimentos para o longa são cancelados. A dúvida sobre o futuro do trabalho paira sobre os produtores até que um fato novo os permite finalizá-la. Este drama, inclusive, é baseado num fato verídico ocorrido com o próprio espetáculo, que teve a estreia prevista para 2016 ser cancelada devido ao cancelamento de um patrocínio.

Para contar essa história e levar ao palco a heterogeneidade do povo daqui, a equipe de produção selecionou um elenco dentre 500 candidatos de estados como Amazonas, Mato Grosso, Bahia, São Paulo, Minas Gerais e Rio e pensou em fugir do óbvio, estratégia da qual nunca quis abrir mão.

Danielo de Moura (E), Claudio Lins, Cris Vianna e Danilo Mesquita estão no elenco Foto: Photoph Studio/Divulgação

– Eu não quero retratar a Zona Sul, da forma como sempre é mostrada, quero também a arquibancada número 1 da Sapucaí. Aquelas pessoas que estão ali têm histórias maravilhosas para contar. Uma das primeiras visões que tive do Rio foi o baile charme de Madureira. Aquele é o Rio que me interessa, o Rio real – explica o diretor Ulysses Cruz.

Ainda baseado nesta proposta de pluralidade, o espetáculo decidiu inovar com a participação do público em diferentes aspectos da produção. Pessoas puderam enviar histórias reais que viveram e letras de músicas inéditas. Uma de cada foi selecionada para compor o texto final e a trilha sonora. Sobre a parte musical, os atores cantam e tocam mais de 30 instrumentos em músicas originais de Renata Mizrahi e releituras de canções consagradas de compositores como Milton Nascimento, Chico Buarque, Caetano Veloso, Luiz Gonzaga, Rita Lee, Almir Sater, Gilberto Gil, Ary Barroso, Cazuza.

Ensaio aberto

Além das sessões de pré-estreia, “Rio Mais Brasil” faz também um ensaio aberto ao público nessa sexta (14), no próprio Oi Casa Grande, às 21h. A distribuição de senhas começa às 19h na bilheteria do teatro.