Raquel Iantas volta a compartilhar suas próprias memórias em temporada do solo ‘Irina’ no Glauce Rocha

Do Rio Encena

Raquel compartilha com o público suas próprias memórias de infância e juventude Foto: Guga Melgar/Divulgação

Uma boa definição para “Irina”, monólogo que reestreia nessa sexta-feira (05), às 19h, no Teatro Glauce Rocha, no Centro, seria ‘Raquel Iantas por Raquel Iantas”. Responsável pela direção, em parceria com Mariah Valeiras, e pelo texto, a atriz entra em cena para compartilhar com o público a suas próprias memórias de infância, adolescência e juventude.

Entre realidade e ficção, ela relembra nove histórias independentes sobre uma menina solitária e imaginativa de uma família operária do interior do Paraná, lá pelos anos 60, 70 e 80. Entre as recordações compartilhadas, estão o drama de uma grave doença da mãe; uma realidade que não a permitia sonhar; e a paixão pela arte.

Embora se trate de um projeto pessoal, Raquel contou com outros colaboradores. Além da codiretora Marian Valeiras, Aderbal Freire Filho, Eleonora Fabião e Marcio Abreu contribuíram com sugestões e ideias na concepção do espetáculo.

PUBLICIDADE