Peça performativa ‘Duo Sobre Desvios’ aborda a questão do abandono na Sala Baden Powell

Do Rio Encena

Cadu Cinelli e Fabricio Moser atuam e também assinam direção e texto Foto: Ricardo Martins/Divulgação

Ao idealizarem “duo SOBRE DESVIOS”, peça performática que estreia nesse sábado (05), 19h30, na Sala Baden Powell, em Copacabana, Cadu Cinelli e Fabricio Moser decidiram fazer uma mescla para abordar um tema que lhes é pertinente: o abandono. A dupla, que assina também a direção, mistura na dramaturgia experiências suas  de vida com referências de terceiros, como  o poeta mineiro Bartolomeu Campos de Queiroz, a cantora islandesa Björk e o dramaturgo russo Anton Tchekhov, entre outros. Em algum momento de suas obras, estes artistas falaram sobre abandono.

Além disso, durante o espetáculo, que é construído a partir de diferentes linguagens artísticas, eles ampliam o tema com a contribuição do público. Cadu, que é ator, artista visual e contador de histórias, e Fabrício, ator, diretor e professor, interagem com os espectadores, convidando-os a contar vivências pessoais relacionadas ao que está sendo encenado.

A peça já se apresentou em locais alternativos da cidade como o ArtHostel e o Espaço Comuna, além de ter participado do “V Tomada Urbana”, em Barra Mansa; do Encontro Artes Cênicas e Negócios, no Tempo Festival; e do “É vento!”, na Fundição Progresso. No ano de 2004 a montagem rendeu um convite para turnê pela Espanha e Portugal (confira cenas no fim da matéria).

Já a temporada na Sala Baden Powell vai até o próximo dia 27, com apresentações também aos domingos, no mesmo horário das 19h30. Os ingressos custam a partir de R$ 15 (meia).

PUBLICIDADE