Multifoco Cia de Teatro apresenta dois espetáculos de Matéi Visniec no Espaço Sérgio Porto

Do Rio Encena

“A palavra” (acima) e “Crônicas” formam o programa da ocupação Fotos: Diogo Nunes/Divulgação

“Crônicas para uma cidade ou um amanhecer abortado“ e “A palavra progresso na boca da minha mãe soava terrivelmente falsa“. Estes são os dois textos do dramaturgo romeno naturalizado francês Matéi Visniec que compõem o Projeto Matéi Visniec, ocupação que a Multifoco Companhia de Teatro inicia nesse fim de semana no Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto, no Humaitá. Com ingressos a preços populares (a partir de R$ 15), a temporada começa nesse sábado (05), às 20h30, com “Crônicas”.

O espetáculo, que estreou em 2015, é encenado por quatro exilados de uma sociedade que, aprisionados, se entretém e passam o tempo tentando reproduzir o mundo externo, expondo, assim, a angústia por nunca mais poderem ver o sol.

Já “A palavra progresso na boca da minha mãe soava terrivelmente falsa“, peça ainda inédita do grupo no Rio de Janeiro, estreia no dia 19. Montado com patrocínio e realização do FESTU (Festival de Teatro Universitário), o espetáculo conta a história de uma família que volta para casa, agora destruída, após a guerra. O desejo de retomar a vida, porém,  esbarra nos conflitos sociais e morais, como preconceito e oportunismo capitalista de vizinhos que querem tirar proveito do infortúnio alheio.

Com 10 espetáculos montados desde que foi fundada em 2010, a Multifoco tem como característica utilização de diferentes linguagens cênicas, como circo e dança contemporânea.

Outras atividades

Além dos espetáculos, ambos com direção de Ricardo Rocha, a ocupação contará também com uma oficina teatral gratuita e a exposição fotográfica “Fronteiras que Nos Cercam”, de Diogo Nunes. A exposição, também com entrada franca, será aberta ao público diariamente a partir de 15h.

PUBLICIDADE