Heloísa Périssé e Maria Clara Gueiros chegam ao Teatro Riachuelo Rio com a comédia ‘Loloucas’

Do Rio Encena

Maria Clara e Heloísa interpretam duas senhoras de idade Foto: Dado Marietti/Divulgação

Ao contrário de muita gente que entra em pânico com a chegada dos 50 anos, Heloísa Perissé decidiu fazer da marca a inspiração para mais um trabalho. Com texto e protagonismo da atriz de 52 anos, reestreia nesta sexta-feira (19), às 20h, no Teatro Riachuelo Rio, no Centro, a comédia “Loloucas”, que reflete com bom humor sobre as mudanças, crises e transformações que costumam ficar mais evidentes na segunda década dos “enta”.

— Quando cheguei aos 50 anos, pensei: não vou ter mais 50 pela frente. Então, quero canalizar essa energia de uma forma sábia — recorda Heloísa, exaltando mais uma dobradinha com Maria Clara Gueiros, sua parceira de cena em “Loloucas”: — Pensei inicialmente em fazer um monólogo. Mas ao dar vida à interlocutora da minha personagem, pude trazer para este projeto uma amiga muito querida, com quem trabalho há uns 30 anos.

Sob direção de Otávio Müller, Heloísa e Maria Clara vivem duas senhorinhas frequentadoras assíduas de teatro, que certo dia chegam atrasadas a uma peça e dão de cara com a porta fechada. Ao decidirem voltar para casa, elas se dão conta de que, na verdade, estão no meio do palco. A partir daquela perspectiva até então inédita, elas se encorajam a compartilhar com o público suas diversas histórias de vida, tornando-se protagonistas de seus próprios espetáculos.

— A partir de uma certa idade, podemos nos sentir mais livres de julgamentos. É um momento maravilhoso, onde, sem medo, se perde o telhado para ganhar as estrelas. E as duas personagens ensinam a envelhecer com muita alegria — explica Heloísa.

“Loloucas” estreou em julho passado no Teatro dos Quatro, no Shopping da Gávea. No mesmo palco e na mesma ocasião, a atriz entrou em cartaz também com o infantil “Lololendi”, outra montagem que brinca com seu apelido: Lolô.

PUBLICIDADE