Drama ‘Mansa’ chega à Sede das Cias falando sobre violência contra a mulher

Do Rio Encena

Amanda Mirásci (E) e Nina Frosi dividem a cena em “Mansa” Foto: Thaís Barros/Divulgação

Após anos de abuso em cárcere privado, duas irmãs matam o pai e o enterram no quintal dos fundos. Este é o drama de “Mansa”, espetáculo que estreia na Sede das Cias, na Lapa, nesse sábado (16), às 20h. A temporada vai até 30 de julho, com sessões também domingos e segundas, no mesmo horário, e ingressos a R$ 30 (inteira).

Com texto inédito de André Felipe e direção de Diogo Liberano, Amanda Mirásci e Nina Frosi apresentam um crime que proporciona uma investigação sobre a origem da violência contra a mulher. Apesar de serem duas atrizes em cena, apenas personagens masculinos têm voz na peça. Diante do drama das irmãs, que se arrastou por todas as fases de suas vidas, eles se mostram convenientes com uma espécie de processo de “amansamento” feminino.

Parte da programação do festival Cena Brasil Internacional 2018, no CCBB, a montagem carrega a ideia de chamar a atenção para os crimes praticados contra as mulheres que acabam sem punição e, para piorar, naturalizando a violência na sociedade contemporânea.

PUBLICIDADE