De volta com ‘Como é que Pode?’, Gabriel Louchard lembra saias justas com ‘gente doida’ no palco

Luiz Maurício Monteiro

Comédia, mágica e interatividade com o público. Destes três pilares que sustentam “Como é que Pode?”, solo de humor de Gabriel Louchard, o terceiro, sem dúvida, é o que mais rende saias justas ao protagonista. Depois de sete anos emendando uma temporada na outra Brasil afora, ele, que está de volta ai Teatro dos Grandes Atores, na Barra, coleciona situações inusitadas ocasionadas pelos números do show em que precisa chamar algum espectador ao palco. Em entrevista para o quadro “Quem Encena”, da RIO ENCENA TV, o humorista recorda algumas gafes, inclusive uma marcante.

— Já chamei gente bêbada. Esta é a terceira temporada que faço aqui, as outras eram às 23h. Então, o pessoal tomava um negócio antes, bebia aqui no bar… Já aconteceu de gente doida subir, várias saias justas… — relembra Gabriel, que fala muito mais sobre “Como é que Pode?” no vídeo abaixo:

PUBLICIDADE