Conheça os indicados ao III Prêmio CBTIJ de Teatro Para Crianças

Do Rio Encena

O espetáculo "Tãotão" recebeu 12 indicações das 24 possíveis Foto: Divulgação

O espetáculo “Tãotão” recebeu 12 indicações das 24 possíveis Foto: Divulgação

O Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude (Cbtij) anunciou nesta quarta-feira os indicados para a terceira edição do Prêmio Cbtij de Teatro para Crianças. Organizada com recursos próprios da entidade, a premiação avaliou neste ano 51 espetáculos dos 167 que foram apresentados no Rio de Janeiro neste ano, sendo estreantes ou não. E o destaque na relação das 24 categorias – que coroam todas as atividades profissionais de artistas e técnicos – foi “Tãotão”, que concorre em 12.

Logo em seguida, vem “A Gaiola” e “O Menino das Marchinhas”, citadas em 10 categorias. O vencedores serão conhecidos na premiação – que vai homenagear O Tablado pelos 65 anos de atividades voltadas para o teatro infantil – prevista para março do ano que vem. A comissão julgadora responsável por selecionar os indicados e os vencedores foi formada por Humberto Braga, Rogério Freitas, Marcia Frederico, Miguel Vellinho e Demetrio Nicolau. Veja abaixo a lista completa:

Espetáculo
– “A Gaiola”
– “Boquinha… E Assim Surgiu o Mundo”
– “O Menino das Marchinhas”
– “Tãotão”

Texto Original
– Lázaro Ramos por “Boquinha… E Assim Surgiu o Mundo”
– Pedro Henrique Lopes por “O Menino das Marchinhas”
– Pedro Kosovski por “Tãotão
– Renata Mizrahi por “Marrim, nem Preto, nem Branco?”

Texto Adaptado
– Adriana Falcão e Eduardo Rios por “A Gaiola”
– Eduardo Katz por “Filhote de Cruz Credo”
– Renata Mizrahi por “LUDI na Revolta da Vacina”
– Renato Luciano por “Guerra Dentro da Gente”

Direção
– Cacá Mourthé por “Tãotão”
– Diego Morais por “O Menino das Marchinhas”
– Duda Maia por “A Gaiola”
– Isaac Bernat por “Filhote de Cruz Credo”

Ator
– Leonardo Miranda por “Perdidos na Cidade”
– Orlando Caldeira por “Boquinha… e Assim Surgiu o Mundo”
– Pablo Áscoli por “A Gaiola”
– Pedro Henrique Lopes por “O Menino das Marchinhas”

Atriz
– Carol Futuro por “A Gaiola”
– Júlia Stockler por “Tãotão”
– Priscila Assum por “Filhote de Cruz Credo”
– Vilma Melo por “Marrom, nem Preto, nem Branco?

Ator em Papel Coadjuvante
– Augusto Volcato por “O Menino das Marchinhas”
– João Lucas Romero por “Filhote de Cruz Credo”
– Mateus Ribeiro por “Meu Amigo, Charlie Brown”
– Rodrigo Morura por “O Menino das Marchinhas”

Atriz em Papel Coadjuvante
– Joana Castro por “Tãotão”
– Larissa Siqueira por “Ludi na Revolta da Vacina”
– Maíra Kestenberg “Marrom, nem Preto, nem Branco?”
– Martina Blink por “O Menino das Marchinhas”

Coletivo de Atores e Atrizes
– Ana Carolina Sauwen, Matheus Lima e Tiago Quites (JOGO!)
– Celso André, Izak Dahora, Ludmila Rosa e Raquel Rocha por “A Menina do Dedo Torto”
– Laura Telles, Leonardo Miranda, Viviane Netto por “Guerra Dentro da Gente”

Cenário
– Alberta Barro e Gabrielle Windmüller por “Boquinha… E Assim Surgiu o Mundo”
– Jaime Pinheiro por “U, Príncipe Chamado Exupéry”
– João Modé por “A Gaiola”
– Lidia Kosovski por “Tãotão”

Figurino
– Bruno Berlatto por “Um Sonho Para Méliès”
– Fernanda Sabino e Henrique Gonçalves por “Por que nem Todos os Dias são de sol?
– Flávio Souza por “A Gaiola”
– Lidia Kosovski “Tãotão”

Adereços
– Lidia Kosovski, Alexandre Guimarães e Derô Martin por “Tãotão”
– Tuca por “A Menina do Dedo Torto”
– Tuca por “UM Sonho Para Mèliés”

Trabalho de Formas Animadas
– “Boquinha… E Assim Surgiu o Mundo”
– “Guerra Dentro da Gente”
– “Paco e o Tempo”
– “Um Príncipe Chamado Exupéry”

Iluminação
– Ana Luzia de Simoni por “Um Sonho Para Mèliés”
– Felipe Lourenço por “Tãotão”
– Renato Machado por “A Gaiola”
– Rogério Wiltgen por “A Árvore que Fugiu do Quintal”

Música Original
– Beto Lemos e Renato Luciano por “Guerra Dentro da Gente”
– Domenico Lancellotti “A Menina do Dedo Torto”
– Renato Frazão por “Caixa de Ferramentas”
– Ricco Viana, Eduardo Rios e Adriana Falcão por “A Gaiola”

Música Adaptada, Trilha Sonora ou Direção Musical
– Alexandre Queiroz por “A Árvore que Fugiu do Quintal”
– Charles Kahn por “Filhote de Cruz Credo”
– Cláudia Elizeu por “O Menino das Marchinhas”
– Daniel Carneiro por “Maia – A Lenda da Menina Água”

Visagismo
– Mona Magalhães por “Tãotão”
– Mona Magalhães por “Um Sonho Para Méliès”

Videografismo
– Guilherme Fernandes por “Um Sonho Para Méliès”
– Paola Barreto, Helo Duran, Jonathan Nunes “A Menina do dedo Torto”
– Rico Vilarouca e Renato Vilarouca por “Ludi na Revolta da Vacina”
– Rico Vilarouca, Renato Vilarouca e Rodrigo Pádua por “Guerra Dentro da Gente”

Preparação Corporal
– João Ferreira por “Jogo!”
– Marcela Rodrigues “Boquinha… E Assim Surgiu o Mundo
– Priscila Vidca por “Ludi na Revolta da Vacina”

Coreografia
– Bruno Cezario por “Tãotão”
– Victor Maia por “O Menino das Marchinhas”

Direção de Produção
– Bruno Mariozz por “A Gaiola”
– Carla Mullulo por “A Menina do Dedo Torto”
– Entre Entretenimento “O Menino das Marchinhas”
– Fernando do Val por “Tãotão”

Programação Visual
– Thiago Sacramento por “A Lenda do Vale da lua”
– Refinaria Design por “A Menina do Dedo Torto”
– Bruno Dante por “Filhote de Cruz Credo”
– Rico Vilarouca e Renato Vilarouca por “Guerra Dentro da Gente”

Técnico
– Arminda Farley pelo trabalho de camareira em “A Menina do Dedo Torto”
– Luciano Siqueira pelo desenho de som em “Por que nem Todos os Dias são de sol?”
– Pablo Cardoso pela operação de luz em “Marrom, nem Preto, nem Branco?”
– Renato Silva pela contrarregragem em “Perdidos na Cidade”

Especial
– Pedro Henrique Lopes e Diego Morais pelo projeto Grandes Músicos para Pequenos
– Renato Mello pelo trabalho de crítica de espetáculos para crianças no site Botequim Cultural

PUBLICIDADE