Com Vera Fischer, ‘O Doce Pássaro da Juventude’, do americano Tennessee Williams, estreia no Carlos Gomes

Do Rio Encena

Pierre Baitelli e Vera Fischer formam o casal de protagonistas Foto: Divulgação

O espetáculo “O Doce Pássaro da Juventude” chega ao Teatro Municipal Carlos Gomes, no Centro, nessa quinta-feira (05), às 19h. Com um elenco encabeçado por Vera Fischer, a peça conta, através do texto do norte-americano Tennessee Williams (1911-1983), o drama de artistas dos Estados Unidos que nos anos 50 precisavam enfrentar questões como repressão sexual e problemas psicológicos em relação a beleza, juventude e sucesso.

Interpretada por Vera, a protagonista Alexandra Del Lago é uma atriz bonita, talentosa e de sucesso que, repentinamente, começa a se sentir velha e fracassada justamente no dia da estreia de seu mais recente filme. Desnorteada, ela deixa tudo para trás e se muda para uma cidade do interior, a fim de ter uma vida mais tranquila.

Porém, curiosamente, ao chegar lá, Alexandra acaba conhecendo o gigolô Chance Wayner (Pierre Baitelli), que sonha exatamente com a glória e o sucesso que por tanto tempo foram rotina para ela. Sem hesitar antes de querer tirar proveito desta relação e da carência dela, ele lhe dá uma noite de amor esperando em troca uma vida de glamour.

À medida em que a montagem dirigida por Gilberto Gawronski se desenrola, os verdadeiros objetivos dos personagens vai ficando ainda mais explícitos. Enquanto Chance deseja ter um sucesso de Alexandra, ela almeja a juventude dele. No entanto, a atriz parece não entender que a questão não é a jovialidade dele, mas, sim, o fato de que ela próprio nunca envelheceu.

PUBLICIDADE