Com projeto inédito de intercâmbio, Festlip leva teatro, exposições e oficinas à Casa de Cultura Laura Alvim

Do Rio Encena

Os espetáculos “Kiwi” e “Solange – Uma Conversa de Cabelereiro” estão na programação Fotos: Divulgação

A Casa de Cultura Laura Alvim, em Ipanema, recebe a partir desta quarta-feira (13) a nona edição do Festival Internacional das Artes de Língua Portuguesa (Festlip). Com entrada franca, o evento vai até o próximo dia 23  com uma programação (confira no fim da página) que, entre atrações adultas e infantis, reúne oficinas, exposições, debates, música, culinária e peças teatrais, entre elas, um projeto de intercâmbio inédito no mundo, segundo a organização.

Logo no primeiro dia, o Festlip – primeiro festival internacional de teatro a reunir todos os países lusófonos e criar um site inédito com dramaturgia em língua portuguesa (www.portaldlip.com) – apresenta “A Terceira Margem do Rio”. Com o texto lançado originalmente em 1962 por Guimarães Rosa (1908-1967), a montagem tem em seu elenco oito atores, cada um de um país diferente, como Brasil, Cabo Verde e Timor Leste, que em comum falam o português.

Em 2017, o Festlip chega à sua nona edição (Divulgação)

Para contar a história de um homem que deixa família e amigos para viver isolado em uma canoa  no  rio, o diretor Paulo de Moraes, diante da questão da distância, promoveu primeiro 25 ensaios por meio virtual (via Skype), para só depois realizar outros quatro presenciais, com a presença de todos os atores. Os realizadores do evento veem “A Terceira Margem do Rio” com o grande destaque da programação.

As outras peças do Festlip 2017 são “Kiwi” (única apresentada fora da casa de cultura, no Sesi Centro), sobre uma jovem que luta pela sobrevivência nas ruas às vésperas das Olimpíadas; e a portuguesa “Solange – Uma conversa de cabeleireiro”, protagonizada por uma cabeleireira que acha na poesia de autoras brasileiras e portuguesas um modo de ver o mundo, enquanto se divide entre dois ofícios.

Aliás, a programação teatral, assim como outras atrações, vão apenas até esse domingo (17). A partir daí, funcionará apenas a mostra culinária FestGourmet, que tem em seu menu (R$ 70), uma feijoada feita de um modo diferente por receber temperos originários de cada uma das nações participantes.

“Kiwi” é uma das três produções teatrais apresentadas no festival Foto: Leekyung Kim/Divulgação

O Festlip, que neste ano homenageia o diretor, ator e gestor cultural cabo-verdiano João Branco, fundador do Festival Mindelact, será realizado pela primeira vez fora do Brasil no ano que vem. A próxima edição acontecerá no início de 2018 em Lisboa, Portugal, onde será apresentada uma nova montagem de “A vida como ela é”, de Nelson Rodrigues (1912-1980).

SERVIÇO

Local: Casa de Cultura Laura Alvim
Endereço: Avenida Vieira Souto, Nº 176 – Ipanema.
Telefone: (21) 2332-2016
Período: 13/12a 23/12
Entrada: Franca

“A terceira margem do rio”
Local: Casa de Cultura Laura Alvim
Sessões: Quarta (13) às 19h30; quinta (14) a domingo (17) às 20h
Elenco: Leonardo Miranda , Suelma Mario, Lisa Reis, Horácio Guiamba, Susana Vitorino, William Ntchalá, Rossana Prazeres, e Carvarino Carvalho
Direção: Paulo de Moraes
Texto: Guimarães Rosa
Classificação: Não informada
Capacidade: 245 lugares
Sinopse: Um homem de meia-idade deixa sua família e amigos para viver isolado em uma canoa no meio de um rio, na região central do Brasil, e jamais volta a pisar em terra firme. Seu único contato com as pessoas acontece através de seu filho Liojorge, que lhe deixa comida na margem do rio. Os anos se passam e a filha Rosário casa com um rapaz da região e vai morar na cidade. O filho também casa, mas decide permanecer com a mãe e continuar levando diariamente a comida para o pai invisível. Quando nasce Nhinhinha, a filha de Liojorge, e que tem poderes mágicos, o rapaz resolve levá-la até a beira do rio para apresentá-la ao pai.

“Solange – Uma conversa de cabeleireiro”
Local: Espaço Rogério Cardoso
Sessões: Quinta (14 ) e sexta (15) às 19h30
Elenco: Susana Madeira
Direção: Hugo Cruz Criação Hugo Cruz e Susana Madeira
Texto: Regina Guimarães Excertos de textos Cecília Meireles, Adélia Prado
Classificação: Não informada
Capacidade: 70 lugares
Sinopse: Solange espera-nos num cabeleireiro de bairro. Inesperadamente revela ser uma amante de poesia e uma voz politizada. O que há de comum entre ofício de Solange e o do poeta? O fazer brilhar o aqui agora. Solange encontra nas palavras das mulheres poetisas portuguesas e brasileiras, uma razão para aprofundar o abismo de ser mulher. Solange encontra na poesia dita a energia inaudita da palavra em busca do seu destinatário. Um salão passado a pente fino…

“Kiwi”
Local: Sesi Centro
Sessões: Quinta (14 ) e sexta (15) às 19h30
Elenco: Nathalia Kwast e Lucas Lentini
Direção: Lucianno Maza
Texto: Daniel Danis (tradução de Lucianno Maza)
Classificação: Não informada
Capacidade: 350 lugares
Sinopse: Às vésperas dos Jogos Olímpicos, a polícia faz sua limpeza social. Uma garota, abandonada por sua família, é acolhida por jovens que lutam pela sobrevivência nas ruas. Ela é batizada Kiwi e terá uma dura trajetória até a esperança de uma vida melhor em um mundo que parece não ter lugar para ela e seus amigos. Texto narrativo do premiado autor canadense Daniel Danis, com direção e tradução de Lucianno Maza. Espetáculo ganhador do Prêmio Aplauso Brasil e indicado ao Prêmio Cenym de Teatro e Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem (FEMSA / Coca-Cola).

Debate: Conexão virtual da Língua Portuguesa em oito sotaques
Local: Teatro Laura Alvim
Horário: Sábado (16/12) 16h às 18h
Mediação: Tânia Pires
Proposta: Os oito atores de nacionalidades diferentes, que integram o projeto inédito de uma montagem via tecnologia virtual do espetáculo teatral A terceira margem do rio, dirigido pelo encenador brasileiro Paulo de Moraes, baterão um papo aberto ao público, para falar dessa experiência da arte, através da conectividade.

Exposição: A Vida Conectada Com a Poesia
Local: Casa de Cultura Laura Alvim
Horário: Sábado (16/12) 18 às 20h
Proposta: A exposição de poesia viva ao alcance da mão é a ligação direta do público, com estátuas humanas que, com uma simples conexão, interpretarão poesias dos 08 (oito) países que possuem o português como língua oficial.

Festa: FESTLIPshow + Festa DISRITMIA
Local: Casa de Cultura Laura Alvim
Horário: Sábado (16/12) às 22h

Oficina infantil: FESTLIPinho – Oficina Infantil Jogos e Viagens Pelos Países de Língua Portuguesa
Local: Teatro Laura Alvim
Horário: Domingo (17) 15h às 17h
Proposta: Trata-se de uma divertida oficina com brincadeiras populares de países de língua portuguesa e tradição oral. Através de atividades coletivas os participantes seguirão um percurso passando por cinco jogos oriundos de Portugal, Angola, Cabo Verde, Brasil, Moçambique e duas histórias afro-brasileiras. A oficina termina com a confecção de um brinquedo popular brasileiro. Este é um projeto artístico e educativo que reúne contos e brincadeiras populares para mostrar a diversidade das culturas de língua portuguesa e suas manifestações em nosso imaginário.

Mostra culinária: FESTGourmet – Conexão dos Paladares
Local: Restaurante Zazá Bistrô
Endereço: Rua Joana Angélica, 40 – Ipanema.
Telefone: (21) 2247-9101
Horário: Quinta (14) a sábado (23) 19h às 0h30
Menu: R$ 70

* Segundo informações do teatro e/ou da organização do evento

PUBLICIDADE