Com escândalos da política como pano de fundo, comédia romântica reestreia na Sala Baden Powell

Do Rio Encena

Com a política como pano de fundo, a peça fala sobre uma história de amor platônico Foto: Arata Maroni/Divulgação

Com a política como pano de fundo, a peça fala sobre uma história de amor platônico Foto: Arata Maroni/Divulgação

Com um enredo bem contemporâneo e uma adaptação inédita, a comédia romântica “Zenóbbia – a Secretária do Presidente” aborda o cenário político e seus escândalos em meio a uma história de amor platônico. A peça, que vem de recente temporada em novembro no Teatro Municipal Café Pequeno, faz agora sua reestreia na Sala Baden Powell, em Copacabana, nessa sexta-feira (09/12), às 20h, com sessões ainda aos sábados e domingos, no mesmo horário. Aliás, em todas as sessões, até o próximo dia 18, haverá a presença de um interprete de libras para deficientes auditivos.

O que era um grande amor não correspondido pelo chefe da secretária Zenóbbia torna-se o seu maior problema. Após o patrão ser denunciado, correndo o risco de ser preso pela polícia federal, ela se vê diante de um dilema: entregar o seu grande amor e prejudicar todos que trabalham com ela ou fazer o que é certo e ir contra o seu coração?

Com direção de Rogerio Passos – diretor da segunda temporada do programa “Tudo Pela Audiência”, de Fábio Porchat e Tatá Werneck, no Multishow – e texto de Marcelo Aouila e Lígia Ferreira, irmã de Bibi Ferreira, a comédia adota bom humor e leveza para tratar do tema política, que a cada dia é debatido de forma mais inflamada pelos brasileiros nas ruas e nas redes sociais. No elenco, Fran Rorato, Nando Moretzsohn e Rodrigo Correa.