Carol Nakamura estreia no teatro com comédia e celebra nova parceria com Marcio Kieling: ‘Me ajuda muito’

Luiz Maurício Monteiro

Marcio e Carol trabalharam juntos na novela Sol Nascente, estreia dela na TV Foto: Letycia Miller/Divulgação

A primeira vez no teatro, Carol Nakamura não vai esquecer. Principalmente, quando encontrar Marcio Kieling. Afinal, partiu do ator o convite para ela atuar em “Até que a Internet nos Separe”, comédia de autoria dele que estreia nessa quinta-feira (07), às 21h, no Teatro dos Grandes Atores, na Barra. Animada com a nova parceria, já que trabalharam juntos também no debute dela na TV, a novela “Sol Nascente” (TV Globo), a ex-assistente de palco do Faustão é só elogios ao companheiro de cena.

– Ele é um querido! Depois de “Sol Nascente”, agora no teatro, ele tem me ajudado muito – diz Carol ao RIO ENCENA, vibrando com o período de ensaios antes da estreia: – Está sendo muito divertido.

Além do convite de Marcio, outro fator fundamental para a estreia de Carol nos palcos foi a gravidez de Gabriela Durlo, que vinha fazendo o espetáculo. E embora já tenha assistido a vídeos de sua antecessora em cena, a “japa” prefere dar seus próprios traços à personagem.

– Ainda não tive tempo de conhecê-la, mas assisti a uns vídeos da peça e adorei. Mas cada um tem seu jeito de interpretar, e isso que é o mais legal – observa.

A dupla interpreta um casal às voltas com a influência digital no dia a dia Foto: Ricardo Penna/Divulgação

Na comédia, dirigida por Fernando Gomes, Carol e Marcio – o eterno Perereca da temporada 2000 de “Malhação – interpretam um casal prestes a completar sete anos de união e às voltas com uma questão super atual: a interferência da tecnologia e do mundo virtual no dia a dia das pessoas. Sincera, Carol admite que já enfrentou situação semelhante à dos personagens da peça.

– Já sim (risos). Por exemplo, por ficar horas no celular, priorizar as redes sociais… – reconhece ela, atualmente solteira após o fim do noivado com o jogador de futebol Aislan.

Após as estreias na telinha e no palco, Carol já está de olho numa outra primeira vez também para não se esquecer. Apesar de envolvida em outros projetos profissionais, ela sonha com as telonas.

– Agora, estou lendo outra peça e vou gravar um curta em outubro. Mas meu foco é cinema. Amo!